Pular para o conteúdo principal

Cultura da raiz sertaneja permanece viva na Festa do Peão de Barretos

Concursos Queima do Alho e do Berrante acontecem desde a primeira edição do evento e mantêm a tradição dos peões de boiadeiro (Fotos: André Monteiro e Aquino José)
A cultura da raiz sertaneja permanece viva por meio das diversas atrações que o público pode conferir durante a 64ª Festa do Peão de Barretos, que acontecerá entre os dias 15 e 25 de agosto, no Parque do Peão.
O local, que possui cerca de 2 milhões de metros quadrados, conta com atrações que reproduzem as tradições do homem do campo e dos peões de boiadeiro, que conduziam as tropas.
Uma das tradições mais antigas, que é realizada desde a primeira edição da Festa, é o "Concurso do Berrante", que ocorrerá no dia 18 de agosto, domingo. A competição envolve cerca de 15 participantes, classificados previamente, incluindo homens e mulheres. Na disputa, eles devem executar os cinco toques principais do berrante que são "Saída ou solta" (para despertar a boiada), "Estradão" (reanima a boiada), "Rebatedouro" (aviso de perigo), "Queima do Alho" (almoço) e "Floreia" (toque livre).
No mesmo dia, também acontece o "Concurso da Queima do Alho", o prato típico que era preparado pelas comitivas para as refeições dos peões que conduziam as boiadas pelo interior do Brasil. Nesta competição, as comitivas participantes precisam reproduzir, com fidelidade, o sabor do tradicional prato, com utensílios e em fogo de chão, como antigamente.
Já o Palco Culturando recebe manifestações artísticas de diferentes regiões do país. Neste ano serão mais de 200 atrações entre apresentações musicais, de teatro e dança, de 119 municípios.
Outra atração que mantém as origens da tradição sertaneja é o "Palco Raízes Sertanejas". O espaço é aberto a artistas amadores e profissionais, que apresentam a mais genuína música raiz, além de outras apresentações típicas como dança catira, declamadores sertanejos e toque do berrante.
Espaços
O visitante da 64ª Festa do Peão de Barretos também tem a oportunidade de conhecer espaços que reproduzem locais e situações vivenciadas pelo peão boiadeiro.
No local onde é realizado o concurso da Queima do Alho, o visitante tem a oportunidade de conhecer a reprodução de um "ponto de pouso", onde os tropeiros faziam suas paradas, e que conta com réplicas de um armazém, capela, entre outras construções similares a de pequenas vilas rurais.
Já no Museu Histórico e Folclórico do Peão de Boiadeiro, também conhecido como Memorial do Peão, o público conhece acessórios e equipamentos que eram utilizados pelos tropeiros durante a condução da boiada nas viagens realizadas.


Sobre a Festa do Peão de Barretos
A Festa do Peão de Barretos chega à sua 64ª edição e acontece de 15 a 25 de agosto. São mais de 100 shows durante os 11 dias de evento, com os principais nomes do universo sertanejo como o projeto AMIGOS - que reúne no mesmo palco Zezé Di Camargo & Luciano, Chitãozinho & Xororó e Leonardo -, Simone & Simaria, Gusttavo Lima, Fernando & Sorocaba, além de espaço para outros ritmos como o swing baiano de Ivete Sangalo.
Na programação esportiva tem rodeio todos os dias nas modalidades Touro, Cavalo – cutiano, sela americana e bareback, Três Tambores, Team Penning e Working Penning.
Para saber mais sobre o evento acesse independentes.com.br


Fonte: Phábrica de Ideias – Assessoria de Imprensa



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maiara e Maraisa te convidam para curtir "Aqui em Casa"

Novo EP com 8 faixas foi gravado na casa das irmãs, em Goiânia
A dupla Maiara e Maraisa decidiu convidar os amigos, fazer um churrasco de chão e passar a noite cantando. Até aí nada demais para as irmãs, já que elas não negam que adoram receber os amigos em casa. A novidade é que tudo isso foi gravado e as novas músicas serão lançadas no EP “Aqui Em Casa”, com 8 faixas. A primeira, “Aí Eu Bebo”, já está disponível nas plataformas digitais e o vídeo no canal oficial da dupla no YouTube. Maiara explica que o projeto nasceu a partir da ideia de que o palco é a casa do artista. “Trouxemos o "palco" para nossa casa e do nosso jeito, numa mesa rodeado de amigos. Passamos a maior parte do tempo fora e fazendo o que amamos, porque não fazer isso onde vivemos?". Maraisa complementa: “Gravar em casa nos traz muita liberdade, menos pressão e muita verdade”. A dupla quer compartilhar com o público a harmonia da melhor maneira possível. A cada quinze dias um novo vídeo será lançado. …

Os Parazim lançam o single "Amor e Cerveja"

Música marca o lançamento do novo DVD da dupla
Nesta sexta-feira (26/07), Os Parazim, dupla formada pelos irmãos cantores e compositores, Thiago e Samuel, lançam o single "Amor e Cerveja". A canção, que é a primeira divulgada do novo DVD dos artistas (gravado recentemente durante o VillaMix Festival Goiânia), já está disponível nas principais plataformas digitais e em breve, em todas as rádios do Brasil. 'Amor e Cerveja' é uma composição da dupla em parceria com o cantor Angelim e um lançamento Winner Records. A faixa apresenta um ritmo dançante e uma característica única da dupla, a mistura do sertanejo com a singularidade do Pará. "Estamos muito felizes com tudo que vem acontecendo com a gente. Essa é a primeira faixa do lançamento do nosso DVD e a emoção é grande! Esperamos que vocês gostem bastante!!!", comentam os artistas. Vale ressaltar que o videoclipe também está disponível e pode ser conferido no canal oficial dos artistas no YouTube.



Música: Amor e C…

Fabinho e Rodolfo em alta na Europa

A dupla Fabinho e Rodolfo lançou, ontem (29), a nova versão de “Amor pós-briga”. Com arranjos repletos de influências latinas, como a bachata e o reggaeton, a faixa será lançada na Europa – onde os cantores irão realizar, na próxima semana, a terceira turnê no continente. Com a ascensão do reggaeton no Brasil, em 2017 eles gravaram a faixa autoral “Mamacita”; O que os cantores não esperavam seria tamanha aceitação da canção pelo público europeu. Embalados pelo sucesso do single, em abril do ano passado eles fizeram a primeira turnê internacional e se apresentaram em Portugal e Suíça. Posteriormente, no fim de 2018, retornaram para novas apresentações marcadas por casa cheia e reconhecimento das músicas próprias. “O que muito nos surpreendeu nas duas turnês que fizemos, foi o público nativo cantando nossas músicas. Não esperávamos tamanha aceitação da própria comunidade europeia”, comenta Fabinho. O contato da dupla com a Europa surgiu através de uma agência de shows de Portugal, que os c…